Loading...

quarta-feira, 9 de março de 2011

cães no verão

Os cães atingem temperaturas elevadas mais rapidamente que os humanos.
Os cães regulam a temperatura corporal através da respiração.

ÁGUA
Os cães precisam tomar mais água no verão. Deixe sempre uma vasilha com água fresca à disposição.
Durante os passeios leve sempre uma garrafa de água.

CAMINHADAS
Passear com o cão em dias quentes só nos horários em que o sol é mais ameno: no começo da manhã ou no final da tarde porque o cão se cansa mais rapidamente, o chão quente machuca as patas e os raios solares podem causar queimaduras nas áreas mais sensíveis

PROTETOR SOLAR
Passe nas áreas mais sensíveis (focinho e as pontas das orelhas) especialmente em cães de pelos curtos ou pele clara. Para evitar reações alérgicas, use protetores desenvolvidos para animais (encontrados em pet shop) .

SOMBRA
Se o cão fica no quintal, deve ter um local fresco e à sombra para descansar.

TOSA
Aproveite para tosar o cão no verão.

CÃES NA PRAIA
Muitas praias não permitem o acesso de cães. Siga a lei. Se for passear na calçada , recolha as fezes.
Se for permitido o acesso de cães na praia, além de recolher as fezes, fique atento pois a água do mar pode causar alergias e no contato com a areia o cão pode pegar bicho-de-pé, pulgas e carrapatos...

A FALTA DOS CUIDADOS ACIMA PODEM PREDISPOR O CÃO A UM CHOQUE DE CALOR

CHOQUE DE CALOR
Acontece quando o cão perde a sua capacidade natural de regular a temperatura corporal.
Temperaturas elevadas causam reações químicas que matam as células do corpo o que leva á desidratação e ao espessamento do sangue. Isto provoca uma pressão sobre o coração, causa coagulação sanguínea e posteriormente leva à morte dos tecidos. O fígado, o cérebro e as células do intestino são os primeiros a serem afetados e isto pode ocorrer muito rapidamente.
Os cães regulam a temperatura corporal através da respiração. Cães que sofrem de alguma doença respiratória ou que os que são "braquicéfalos" (“cara amassada”: Shih Tzu, Bulldog, Boxer, Pug) tem uma maior predisposição de aquecerem mais rapidamente.

SINTOMAS DE CHOQUE DE CALOR
Respiração acelarada (hiperventilação)
Língua avermelhada
Gengivas secas e pálidas
Hipersiália (aumento da produção de saliva) - saliva espessa
Vomito - por vezes com sangue
Pulso rápido ou irregular
Depressão, Fraqueza, Tonturas, Diarréia, Convulsões, Coma.

CUIDADOS DE URGÊNCIA PARA SALVAR O CÃO
- Aplique água na barriga, na face interna das coxas e nas almofadas das patas.
- Molhe o cão com água corrente - em temperatura ambiente.
- Não o mergulhe o cão totalmente na água - isto pode causar a diminuição brusca da temperatura e levar a outros problemas.
- Não use água gelada - isto vai causar uma vasoconstrição, o que aumenta o fluxo sanguíneo e retarda o arrefecimento.
- Em seguida leve-o rapidamente a um Veterinário.

NUNCA DEIXE SEU COMPANHEIRO CANINO DENTRO DO CARRO EM DIA DE CALOR.

NÃO PASSEIE SOB SOL FORTE OU ENQUANTO O CHÃO ESTIVER QUENTE.

EM CASA, GARANTA QUE ELE POSSA DESCANSAR EM LOCAL FRESCO E À SOMBRA.



terça-feira, 1 de março de 2011